Blog da Brumake

Lâmpadas de LED, Fluorescente ou incandescente: Qual a melhor opção para sua casa?

  • 06/02/2019

Sabia que escolher bem entre as lâmpadas LED, fluorescente ou incandescente pode render para a sua família uma grande economia na conta de luz? E se você já passou pela situação de se assustar com o aumento da conta, medidas que gerem economia se tornam ainda mais importantes.

Muitos não sabem, mas alguns tipos de lâmpadas são verdadeiros “ladrões de energia”, rendendo prejuízos enormes no fim do mês. E ao contrário do que muitos pensam, não é necessário gastar tanto para investir numa lâmpada mais econômica e eficiente.

Quer descobrir qual a melhor opção de lâmpada para sua família? Nos acompanhe neste artigo e descubra alguns dos critérios que você pode usar para decidir bem!

Escolha pela eficiência energética

Pode soar inicialmente contraditório dizer que para economizar você precisa investir em uma lâmpada mais cara. E é verdade que a incandescente é uma das lâmpadas mais baratas do mercado, custando até menos que R$ 3 cada.

No entanto, essas são uma das lâmpadas que mais consomem energia no mercado, e, muitas vezes, iluminam até menos do que outras opções disponíveis. Resultado? Você vai consumir bem mais na conta de energia elétrica.

Só para você ter uma noção, lâmpada incandescentes geram em torno de 14 lúmens de luz por cada watt utilizado, enquanto as fluorescentes, por exemplo, geram 80 lúmens por cada watt.

Em outras palavras? Enquanto a incandescente gasta cerca de 60W para iluminar um ambiente, uma lâmpada fluorescente gasta apenas 15W para gerar a mesma luminosidade.

A depender da quantidade de tempo em que essa lâmpada fica acesa, a economia no fim do mês pode ser significativa.

Lâmpadas de LED ou Fluorescente?

Talvez você também já tenha cometido essa confusão, mas além das lâmpadas incandescentes e fluorescentes, também existe a LED. Confundida por alguns como um modelo diferente de lâmpada fluorescente, a verdade é que a LED é uma tecnologia completamente diferente — e ainda mais econômica.

E além da economia de energia, essas lâmpadas também proporcionam algumas vantagens, principalmente quando você faz uma boa escolha, levando em consideração as necessidades da sua casa.

Quer saber qual a melhor opção para você? Confira abaixo as principais características e vantagens das lâmpadas fluorescentes e LED.

1. Vantagens das lâmpadas Fluorescentes

Se você ainda tem — ou já teve — uma daquelas lâmpadas incandescentes em casa, deve lembrar da cor característica da luz e, claro, do calor que a lâmpada emitia. Em um ambiente pequeno, o calor poderia ficar até mesmo insuportável.

E, tratando sobre as lâmpadas fluorescentes, essa é uma das principais vantagens: além de econômica, a lâmpada quase não emite calor. Além disso, esse tipo de lâmpada pode chegar a durar até 5 anos sem precisar ser trocada.

Como dá para perceber, elas são muito mais eficientes que as incandescentes em muitos sentidos. Ainda assim, a fluorescente não custa mais do que R$ 10.

2. Vantagens das lâmpadas LED

Se você já achava a economia das lâmpadas fluorescentes grande em comparação com as incandescentes e modelos mais antigos, vai se impressionar com as de LED. Se compararmos com as incandescentes, a economia da lâmpada LED pode chegar a 90%.

Mesmo comparando com as fluorescentes, a LED ainda é mais eficiente. Para você ter uma ideia, enquanto as fluorescentes geram 80 lúmens por cada watt gasto, a LED gera 120 por cada watt.

Isso significa que a LED usa muito menos energia para gerar a mesma quantidade de luz que a fluorescente. Além disso, ela também ganha no quesito durabilidade, e pode durar de 10 até 17 ano sem ser trocada.

Apesar disso, o investimento nela é bem maior. Enquanto um modelo comum de fluorescente custa R$ 10, as de LED podem custar até R$ 40.

Pela durabilidade e economia, essa pode ser uma boa opção principalmente para lugares em que há dificuldade em realizar a troca de lâmpadas, como ambientes com o pé direito muito alto.

A LED também pode ser uma boa opção para lugares em que a lâmpada fica acesa por grande parte do dia: ela vai durar bem mais que uma fluorescente.